Buscar

Variedade musical em edições anteriores reflete riqueza da produção afro-brasileira

Atualizado: 26 de Fev de 2019

Na edição deste ano, programação continua diversa e gratuita

A variedade foi a tônica dos espetáculos musicais oferecidos nas edições anteriores do festival Cara e Cultura Negra. Em 15 anos de realização do projeto, diversos músicos expoentes da cultura negra se apresentaram, refletindo a riqueza da produção musical afro-brasileira.


Samba, choro, rap, reggae, maracatu e outros gêneros musicais foram apresentados nas edições anteriores, por artistas originários de diversos estados do país: Distrito Federal, Bahia, Ceará, Minas Gerais, Paraíba, São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco e mais.


Entre os destaques, estão os shows de artistas reconhecidos nacionalmente como Sandra de Sá, Gog, Ellen Oléria, Renata Jambeiro, Negra Li e Dhi Ribeiro. O público teve acesso a uma vasta lista de artistas negros com produção musical autêntica, como o percussionista paraibano Babilak Bah, que se denomina um "artista de ruído".


Neste ano, o festival acontece de 13 a 30 de março com programação gratuita e agenda musical diversa, com foco na produção negra contemporânea. Confira a programação completa.


Veja abaixo algumas imagens de apresentações musicais em edições anteriores:



0 visualização

CNPJ: 08.334.546/0001-90 

CEP: 70392-901
Contato: (61) 3225 6418

  • Facebook CCN
  • Instagram CCN
  • Youtube CCN

​© 2019 Cara e Cultura Negra