Buscar

O ensino brasileiro já aprendeu a lidar com o racismo?

O estado de São Paulo registra um caso de injúria racial em estabelecimentos de ensino a cada 5 dias, de acordo com dados da Secretaria Estadual da Segurança Pública de São Paulo. Foram 2.873 boletins entre os anos de 2016 e 2017.

Para Sheila Perina de Souza, pedagoga e integrante do coletivo Ludere, que se propõe a discutir uma escolarização anti-racista com referências afro-brasileiras e africanas, é muito importante entender o grau de seriedade nos casos de racismo em sala de aula. “Não se trata de bullying ou brincadeira de mau gosto, estamos falando de um problema histórico. É racismo – e isso é crime”, afirma. Segundo ela, é necessário que os professores e coordenadores pontuem isso com seus alunos de forma séria e contundente.


26 visualizações

CNPJ: 08.334.546/0001-90 

CEP: 70392-901
Contato: (61) 3225 6418

  • Facebook CCN
  • Instagram CCN
  • Youtube CCN

​© 2019 Cara e Cultura Negra